22 de Julho, Sebrae, Maringá



O EVENTO

O DevParaná pensando em trazer relevância de conteúdo aos desenvolvedores do nosso estado organiza o segundo DevParaná Conference.

A conferência tem por objetivo trazer palestrantes que são referência nacional em sua área de atuação, assim como palestrantes que são destaque na comunidade através de uma chamada para submissão de palestras.

No total serão 8 talks, 4 de convidados e 4 de pessoas da comunidade.

PALESTRANTES

AGENDA

Time Slot Description
8h00 Credenciamento -
8h30 Abertura -
08h40 Rodrigo Nonose Programação Funcional na web com Elixir e Elm Rodrigo Nonose - Digital Natives O paradigma funcional está cada vez mais em vista recentemente e com boa razão: diversas linguagens e frameworks têm trazido um ponto de vista diferente para se resolver os problemas inerentes do desenvolvimento web. Nesta apresentação, pretende-se ilustrar conceitualmente como o as linguagens Elixir (backend) e Elm (frontend) resolvem os problemas mais comuns de uma maneira elegante e compreensível.
09h30 Jeferson F. Noronha Descomplicando o Docker Jeferson F. Noronha - LinuxTips Vamos abordar de maneira muito leve e divertida tudo o que você precisa saber para criar, administrar e escalar containers utilizando Docker! Traga seu notebook, pois como sempre será prático! #VAIIII
10h20 Leonardo Saraiva Liberdade e escalabilidade: Microserviços, Kubernetes, gRPC e Docker Leonardo Saraiva - Parafuzo Usando Kubernetes e Docker é possível entregar uma arquitetura de microserviços, multi cloud e encontrar a felicidade em forma de escalabilidade e liberdade, sem ficar amarrado e dependente das 'mágicas' de um PaaS.
11h10 Edson Yanaga Dados e Microservices: lidando com bancos legados na era de serviços distribuídos Edson Yanaga - Red Hat Nas arquiteturas de microservices, com suas múltiplas partes distribuídas e interconectadas, não podemos permitir que o downtime gerado por um único componente derrube o sistema inteiro. Isso é especialmente delicado em sistemas usando bancos legados, originados de arquiteturas monolíticas. No legado um modelo dominante é o baseado em transações, consistência forte e CRUD. E para garantir integridade e consistência sem gerar downtime, é necessário rever esses conceitos. Nesta palestra discutiremos consistência eventual e consistência forte, CQRS e Event Sourcing, e como essas técnicas se relacionam e se aplicam em estratégias de integração e evolução de dados relacionais, no contexto de microservices. Vamos explorar Views, Materialized Views, Mirror Tables,Streaming e Data Virtualization, e como seu uso viabiliza arquiteturas eficazes baseadas em microservices, partindo de um legado monolítico e de BDs relacionais tradicionais.
12h00 Almoço e Networking -
13h30 Lightning talks -
14h00 Otávio Santana Cassandra – NoSQL, NoLimits! Otávio Santana - Tomitribe Apache Cassandra é um altamente escalável, alta performance, banco de dados distribuído e desenhado para um alto volume de dados com alta disponibilidade sem pontos de falha. Cassandra tem comportamentos particulares como User Defined Type, Cassandra Query language e nível de consistência que faz o Cassandra único. Essa apresentação cobrirá sobre esse banco de dados, arquitetura, boas práticas e quando e como utilizar essa tecnologia de banco de dados.
14h50 Raphael Amorim Merging Products with Components Raphael Amorim - Globo.com Nesta palestra, veremos o case da plataforma de vídeos da globo.com, onde em diversos produtos com times diferentes havia a necessidade de unificar tanto componentes visuais quanto fonte de dados (que são baseadas em APIs diferentes, de produtos diferentes [globoplay, globosatplay, sportv, telecine…]), logo surgiu uma plataforma de componentes dentro da área de vídeos da globo.com. A ideia é contar sobre as escolhas de arquitetura e de nível técnico voltadas para atender diversos produtos, times, fontes de dados.
15h40 Coffee Break e Networking -
16h40 Sebastian Ferrari Redux to the bones Sebastian Ferrari - Taller O bom funcionamento das aplicações no front-end dependem de uma arquitetura que permita lidar com todos os eventos e interações complexas que seus usuários realizam. Se você já tentou usar algo como MVC, MV* ou Flux, pode ser que tenha ouvido falar do Redux ou já esteja usando. Saiba como realmente funciona e descubra os paradigmas da programação funcional utilizados na sua criação. Quais são seus benefícios, e entenda porque precisa gerenciar o estado de sua aplicação de maneira previsível. Para entender melhor como o Redux funciona, vamos criar uma versão simples do Redux, desde a criação da Store até os Enahancers passando por Middlewares e seus Reducers.
17h30 Gustavo Costa Change detection em Angular e sua reinvenção Gustavo Costa - Developer {{binding}} de dados na view é uma caracteristica que qualquer framework front-end moderno possui e que hoje não conseguimos viver sem, mas como o Angular sabe como e quando atualizar esses valores? Parece mágica, mas envolve event loop, zones, assincronismo, dados imutaveis, programação reativa, codigo monomórfico... Mas por que eu preciso saber o que há/acontece debaixo do capô? Nós iremos entender os milhares benefícios de ter uma detecção de mudança mais inteligente utilizando todos os recursos que a nova versão do framework disponibiliza para nós, e claro o quanto isso irá impactar na performance da sua aplicação
18h20 Encerramento e Sorteios -
18h30 Happy Hour e Networking -

PATROCINADORES

APOIO

LOCALIZAÇÃO

Sebrae
Av. Bento Munhoz da Rocha Neto, 1116 - Zona 7. Maringá, Paraná

CONTATO

Entre em contato conosco que lhe responderemos o mais rápido possível.